IBIAPABA 24 HORAS

IBIAPABA 24 HORAS
A Serra da Ibiapaba em Destaque.
:



A última morte de policial no estado aconteceu nesta sexta-feira, durante tentativa de assalto no Bairro Planalto Pici, em Fortaleza

Quatro policiais foram assassinados no Ceará desde o início de 2016. Os crimes ocorreram em Fortaleza (2), e nas cidades do interior do estado Jaguaretama (1) e Juazeiro do Norte (1).
Segundo levantamento da Secretaria de Segurança Pública e Defesa Civil do Estado (SSPDS), o número já é superior em relação ao mesmo período de 2015. Até fevereiro do ano passado, foram registradas duas mortes de policiais, e ambos estavam de folga. De janeiro a dezembro de 2015, aconteceram 14 assassinatos.
A última morte de policial no estado ocorreu na manhã desta sexta-feira (12). O soldado do Ronda de Ações Intensivas e Ostensivas (Raio) Augusto Herbert Félix foi assassinado a tiros durante tentativa de assalto no Bairro Planalto Pici, em Fortaleza.
A vítima estava de folga e seguia de motocicleta na Rua Santo Amaro, por volta das 6h, quando foi surpreendido por dois homens, também em uma moto, que anunciaram o assalto enquanto o PM aguardava no semáforo fechado. 
Segundo testemunhas, ele reagiu e trocou tiros com os suspeitos. Um dos criminosos foi baleado e morreu no local, o outro fugiu. A perícia constatou nove lesões a bala no corpo do PM (uma no braço, uma nas costas e sete no rosto).
A vítima atuava na corporação há seis anos e trabalharia ainda na tarde desta sexta-feira. As câmeras de segurança de um estabelecimento comercial da região deve ajudar na elucidação do fato. A polícia, que já tem a identificação do outro suspeito, não divulgou detalhes do que teria sido roubado do PM. A moto utilizada pelos suspeitos foi roubada no último fim de semana, no Bairro Bonsucesso.
Mortes de policiais em 2016 (Fonte: SSPDS/CE)
– 7 de janeiro de 2016: Hudson Danilo Lima Oliveira, 26 anos, soldado da Polícia Militar
O PM foi chamado para uma ocorrência de assalto em uma fazenda de Jaguaretama, no interior do Ceará. De acordo com o Comando de Policiamento do Interior (CPI), houve troca de tiros quando o soldado chegou ao local. Ele foi baleado na cabeça e socorrido no Instituto Dr. José Frota, em Fortaleza, onde ficou internado em estado grave.
No dia 9 de janeiro, foi constatada a morte cerebral. Na noite do dia 8, quatro pessoas foram capturadas. Uma delas agiu diretamente no crime. As outras deram apoio para o criminoso fugir.
– 19 de janeiro de 2016: Benedito Gomes Assunção, 53 anos, Cavalaria da Polícia Militar
Policial, que não estava de serviço, se envolveu em uma discussão de trânsito com dois irmão, em Juazeiro do Norte. Poucos minutos depois, os dois suspeitos foram presos em flagrante. Antônio Nogueira da Cruz (26) e Francisco Valtermar Nogueira da Cruz (33) foram presos com um revólver calibre 38.
– 26 de janeiro de 2016: José Eudes da Silva Monte, de 46 anos, sargento da Policial Militar
O PM foi baleado na cabeça durante roubo a um coletivo da linha Conjunto Ceará-Antônio Bezerra, em Fortaleza, e faleceu na manhã do dia 28 de janeiro. Foram presos Raquel Rodrigues Lima, 19, que responde na Justiça por adulteração de veículo; Carlos Maik Pinto Martins, 24, que possui antecedentes por homicídio e tráfico de drogas; Raimundo Nonato Sousa Barroso, 24, que responde por roubo e dois homicídios e Cristian Nilton Nascimento da Silva, 20, apontado pela polícia como o responsável por atirar no policial.
Fonte: Tribuna do Ceará






Advertisement

0 comentários:

Postar um comentário

ibiapaba24horas@gmail.com

 
Top