IBIAPABA 24 HORAS

IBIAPABA 24 HORAS
A Serra da Ibiapaba em Destaque.
:



Dois suspeitos, que participaram do roubo que resultou na morte do policial civil Alisson Mendonça, teriam fugido para a cidade de Itapipoca

Uma operação em Itapipoca, a 147 km de Fortaleza, busca dois suspeitos de latrocínio (roubo seguido de morte) que vitimou policial civil Alisson Paulinelly Medeiros Mendonça, de 28 anos, na última quarta-feira 6.
De acordo com a diretora da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), delegada Socorro Portela, a operação tem mais de 12 policiais civis, entre agentes da 11º DP, 8º DP, 5º DP (onde o policial era lotado) e da Divisão de Homicídios.
A delegada diz que os suspeitos possuíam familiares em Itapipoca e que, ao chegar em uma das residências, um dos possíveis envolvidos fugiu pelo telhado. “Estamos em diligências e, segundo informações, os dois estariam lá. Eles possuem parentes, avós, tios, que 
moram lá”, relatou. 

Adolescente
No dia seguinte ao crime, um adolescente de 15 anos foi apreendido na própria casa, no bairro Sapiranga, e confessou o crime. No tiroteio que causou a morte do policial, um dos envolvidos morreu no local. Helder Bruno Silva Ferreira, 28, respondia na Justiça por receptação, tráfico de drogas e dois homicídios. O carro utilizado na ação, um Peugeot de cor prata, foi apreendido e levado à DHPP. Na Delegacia da Criança e do Adolescente (DCA), foi gravado vídeo em que o adolescente confessa o crime. Ele diz no vídeo que havia mais envolvidos e que o grupo mora nos bairros do Parque Manibura, Conjunto Alvorada e Cidade Nova.
O jovem diz que desconhece a localização exata das casas dos suspeitos, mas comenta que eles devem ter fugido para algum município do Interior. Além do suspeito que morreu, três pessoas estavam no veículo, incluindo o adolescente. Ele diz não saber que a vítima era um policial e que realizava o primeiro roubo com o restante do grupo criminoso.
O crime
Na última quarta-feira, 6, Alisson estava com a noiva na avenida Desembargador Gonzaga, na Cidade dos Funcionários, quando reagiu a um assalto, matou um dos suspeitos e foi ferido a bala, sendo encaminhado ao hospital da Unimed com um tiro no peito. Horas depois, veio a informação da morte de Alisson, que é o sexto policial morto em 2016. Em janeiro foram mortos o soldado Hudson Danilo de Oliveira, 26 anos, o subtenente Benedito Gomes Assunção, 53 anos e o Sargento José Eudes da Silva Monte, 47 anos. Em fevereiro as vítimas foram o soldado Augusto Herbert Félix, 27 anos e o subtenente Carlos Herbênio Rodrigues, de Jaguaretama. O número dobrou em relação a 2015, que contabilizava três casos durante o mesmo período.
Fonte: O Povo




Advertisement

0 comentários:

Postar um comentário

ibiapaba24horas@gmail.com

 
Top