IBIAPABA 24 HORAS

IBIAPABA 24 HORAS
A Serra da Ibiapaba em Destaque.
:




O acusado pulou o muro da escola, invadiu a sala de aula e atirou contra a vítima

Uma adolescente de 16 anos, identificada como Raphaella Noviski, foi morta a tiros na manhã desta segunda-feira, 6, dentro de uma escola localizada em Alexânia, interior de Goiás.

O acusado do crime é Misael Pereira, de 19 anos. Ele teria pulado o muro do Colégio Estadual 13 de Maio, invadido a sala onde estava a estudante do 9º do ensino fundamental e atirado várias vezes contra ela. A vítima não resistiu aos ferimentos e morreu ainda no local.

Acusado
De acordo com a Secretaria da Educação, Cultura e Esporte de Goiás (Seduce), a polícia foi acionada imediatamente pela diretora e equipe da escola. Após cometer o crime, Misael tentou fugir mas foi preso em flagrante pela polícia portando um revólver de calibre 32. As aulas no colégio estão suspensas até a sexta-feira, 10. Como o calendário escolar já previa um recesso nos dias 13, 14 e 15, em virtude de um feriado municipal e do feriado nacional da Proclamação da República, as aulas serão retomadas no dia 16/11 depois da Celebração de um Culto Ecumênico pela paz e em memória da estudante.

Ainda segundo a nota da Seduce, o crime aconteceu logo após o início da aula. Raphaella foi a única vítima alvejada pelo acusado. A Secretaria lamenta a tragédia e informa que a escola dispõe de câmeras no pátio e dois vigias noturnos para promover a segurança.

Motivação do Crime

De acordo com a Delegada do caso Raphaella Noviski em entrevista ao portal G1, Misael cometeu o crime por "sentir ódio" da vítima. Tudo indica que tenha sido um crime passional. Com base no depoimento de Misael, ele teria tentado namorar com a vítima mas foi rejeitado, o que o motivou a comprar uma arma e matá-la. 
Por Manuela Sales / O Povo 



Advertisement

0 comentários:

Postar um comentário

ibiapaba24horas@gmail.com

 
Top