IBIAPABA 24 HORAS

IBIAPABA 24 HORAS
A Serra da Ibiapaba em Destaque.
:



Próximo a datas festivas, grupos vão até a rodovia pedir doações dos motoristas que passam pelo local. Prática dos pais expõe filhos a riscos

Famílias que levaram crianças para pedir doações na BR-020 foram alvos de operação da Prefeitura de Caridade, a 100 km de Fortaleza, em parceria com o Ministério Público do Ceará, na manhã deste domingo, 24. A estrada, que é rota dos romeiros de São Francisco das Chagas em direção a Canindé, tradicionalmente é escolhida pelos que pedem dinheiro, comidas, roupas e outros objetos. Na ação, servidores municipais orientaram pais sobre os riscos e os desrespeitos que cometem ao Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) quando colocam os filhos em risco às margens da rodovia. 

Conforme o secretário municipal da Ação Social de Caridade, Paulo Victor, as operações começaram a ser articuladas a partir de 2014. No ano anterior, uma criança foi morta atropelada ao tentar receber doações de um motorista. Desde então, próximo a datas festivas, como Natal, um grupo formado por conselheiros tutelares e policiais militares e federais percorre a estrada orientando a população.

“Doadores também precisam ter responsabilidade. Eles podem doar, mas não jogando objetos com o veículo em movimento. Também não podem parar em qualquer lugar da pista”, esclareceu Ney Alcântara, assistente social da cidade. Já outra parte do grupo, composta de agentes da Saúde, fica em abrigos do Governo do Estado criados para assistência aos romeiros durante as festas do padroeiro de Canindé. No local, são oferecidos alimentos e locais para descanso. Pessoas também podem medir glicemia e aferir a pressão com os servidores.

A intenção da Prefeitura de Caridade é reforçar esses pontos de apoio, tirando as pessoas da estrada e tornando-os referências para aqueles que trazem doações. A aposentada Rita Maria, de 61 anos, foi neste domingo pela primeira vez ao abrigo. Apesar de reconhecer os benefícios, ela tem ressalvas. “Aqui não tem o risco de pegar doença, se ser atropelado, mas também já estou há horas e, até agora, não apareceu nada para ninguém”, reclamou.

Resistência

Uma equipe do Jornal O Povo percorreu a BR-020 até o município onde ocorreu a operação. Os grupos de moradores da região permaneceram na estrada durante toda a manhã. Em alguns pontos, o aglomerado de pessoas chegava a invadir a pista. E em raros pontos não havia crianças entre eles. Muitos motoristas também cometiam infrações de trânsito, parando em locais proibidos e causando congestionamento na estrada para entregar materiais ao pedintes.

“O desafio é porque virou algo cultural. Mesmo havendo essa oferta de serviços de saúde, vemos toda a resistência da população”, lamentou Paulo Victor. Segundo o secretário, a ideia é promover a criação de uma associação entre os moradores, onde as famílias possam participar de cursos e palestras. “Queremos que eles consigam os próprios recursos e não precisem mais ir para a beira da estrada”, disse.

Por Igor Cavalcante / O Povo


Advertisement

1 comentários:

  1. ... POLITICAS PUBLICAS MAIS DURADOURAS SAO NECESSARIAS EM CARIDADE NAO SOMENTE NO NATAL MAS DURANTE TODOS OS ANOS... RESPONSABILIDADE DO PREFEITO E SEUS TENTACULOS.. ACAO E INTERESSE PUBLICO SOCIAL... LEVRM A SERIO A ACAI SOCIAL DA CIDADE E MAOS A OBRA SENHORES.... !! SAIAM DE SEUS GABINETES E VAO AS RUAS E COMUNIDADES LONGIQUAS.. O POVO ESTAO ESPERANDO VCS .... ACORDEM,TRABALHEM, PESQUISEM, SE INTERESSEM, etc...

    ResponderExcluir

ibiapaba24horas@gmail.com

 
Top