IBIAPABA 24 HORAS

IBIAPABA 24 HORAS
A Serra da Ibiapaba em Destaque.
:


         A matança sem trégua já faz parte do cenário da violência na Grande Fortaleza e no interior

O ano começou de forma desastrosa para a Segurança Pública do Ceará, a exemplo do que ocorreu em todo o ano de 2017, quando foram registrados 5.134 assassinatos. Em apenas 31 dias de 2018, nada menos, que 526 pessoas foram vítimas de Crimes Violentos, Letais e Intencionais (CVLIs), isto é, homicídios, latrocínios e lesões corporais seguidas de óbito. O número representa uma elevação de 50,7 por cento em comparação a janeiro de 2017 (349 crimes). 

A média registrada no mês foi de 17 assassinatos/dia. Duas grandes chacinas deixaram 24 mortos e, ainda, 55 mulheres estão entre as pessoas executadas no período. 

Somente na Capital cearense foram registrados 167 homicídios em janeiro, além de 160 nos municípios que compõem a Região Metropolitana de Fortaleza (RMF) e mais 199 no interior (103 na Região Norte) e 96 na Região Sul). 

Na Grande Fortaleza, os 327 assassinatos foram assim distribuídos: Fortaleza/Capital (167), Caucaia (50), Aquiraz (18), Maracanaú (17), Maranguape (15), Horizonte (11), Pacajus (10), Pacatuba (9), Cascavel (8), Eusébio (6), Chorozinho (5), Itaitinga (4), Guaiúba (2) e Pindoretama (1). 

No Interior do Ceará, 199 pessoas foram assassinadas, sendo 103 em Municípios do Interior Norte e outras 96 no Interior Sul. 

Fonte: Fernando Ribeiro


Advertisement

0 comentários:

Postar um comentário

ibiapaba24horas@gmail.com

 
Top