IBIAPABA 24 HORAS

IBIAPABA 24 HORAS
A Serra da Ibiapaba em Destaque.
:



O atendimento funciona nesta sexta em regime de plantão até 14h. 

Criminosos atacaram o Fórum de Pacajus, na Região Metropolitana de Fortaleza, na noite desta quinta-feira (14). Segundo a polícia, cinco homens armados invadiram o prédio em busca de armas e drogas apreendidos e picharam as paredes com siglas de uma facção criminosa. O atendimento funciona nesta sexta em regime de plantão até 14h. 

Os homens quebraram um dos portões de entrada e renderam os vigilantes do local. Logo em seguida, eles se dirigiram às salas do prédio, onde estavam materiais apreendidos em processos judiciais, como armas e entorpecentes. Os homens conseguiram fugir. 

Uma equipe da Polícia Civil foi enviada ao local e iniciou as investigações sobre o crime. A secretaria da Segurança informou que nenhum objeto foi levado. 


Ataques a fóruns 

Outros quatro fóruns cearenses foram invadidos somente em 2018. O primeiro deles foi o Fórum de Tianguá, no dia 8 de fevereiro. Quinze armas e dois quilos de maconha foram roubados do local. Os criminosos arrombaram uma das janelas da unidade e retiraram o material apreendido. 

Em 18 de janeiro o Fórum de Maranguape também foi invadido por criminosos. Segundo a Polícia Civil, três homens armados renderam o vigilante e invadiram o fórum por volta das 2h. Os suspeitos entraram no local em busca de materiais que estavam no prédio e faziam parte de processos judiciais. 

Já no dia 25 de janeiro foi a vez do Fórum de Fortim ser invadido por homens armados e encapuzados. Eles entraram no prédio em busca de armas, mas não as encontraram. Antes de sair do prédio, eles picharam as paredes da unidade judicial. 

O último fórum atacado foi na cidade de Fortim, no litoral leste cearense. De acordo com a Secretaria da Segurança Pública, os homens estavam armados e encapuzados quando abordaram o vigilante do Fórum de Fortim. Eles entraram no prédio em busca de armas, mas não as encontraram. Antes de sair do prédio, eles picharam as paredes da unidade judicial. 

Fonte: G1 CE


Advertisement

0 comentários:

Postar um comentário

ibiapaba24horas@gmail.com

 
Top